sexta-feira, 18 de agosto de 2017

SEM ASSUNTO

Pois,
Volto a rascunhar depois de algum período, mas não é por falta de assunto.
Tudo continua na mesma lesma lerda.
A política brasileira é mais suja que chiqueiro de porcos.
Já comentei diversas vezes que não temos três poderes apenas uma meritocracia corrupta, e não quero repetir.
Aqui é a terra que chama você de estuprador e você diz que não estupra mulher feia mas é condenado por ofensa moral.
Vou comentar para os politicamente corretos sobre o ISIS, o PCC e o ESTADO BRASILEIRO.
Perguntar as diferenças sobre os três é iniquidade.
Os três são TERRORISTAS.
O ISIS mata menos que o PCC.
O PCC mata menos que o estado brasileiro.
No estado brasileiro morre mais gente de bem que todas as guerras que acontecem no mundo.
O ISIS não inventou o atropelamento, isso no Brasil acontece mais de 50000 vezes por ano.
O ISIS não inventou o crime ao vivo, no Brasil acontece mais de 50000 assassinatos por ano.
Estelionato no Brasil é crime de menor poder ofensivo, tal e qual a corrupção e os crimes de colarinho branco.
Não há nenhum condenado por corrupção do congresso mais corrupto da história do mundo.
O grande culpado dessa histeria fecal, chama-se PMDB.
A constituição de 1988 foi feita pelo PMDB.
Os militares entregaram o governo para Sarney.
Collor elegeu-se com apoio do PMDB.
Collor foi retirado do governo pelo PMDB.
Itamar do PMDB assumiu.
O retirante de garanhuns fez dois mandatos com apoio do PMDB.
A anta búlgara foi eleita com apoio do PMDB.
Ela foi destituída pelo PMDB.
O PMDB assumiu com o Vampiro um controle que sempre foi seu desde 1985.
A legítima falência da ética e da moral é o esquecimento dos escravos desta meritocracia.
De cada 100 reais 22 são para pagar o funcionalismo público e a politicalha.
Eles não publicam quanto gastam com suas aposentadorias.
Imaginem os gastos nos governos estaduais e prefeituras.
Aqui não adianta parlamentarismo, seria colocar as fezes em outro penico.
Invés de governo social temos governo empresarial.
O maior associado da UNIMED (empresa de planos de saúde privada) no Brasil é o governo federal.
Soluções existem mas jamais serão feitas.
Novo código penal
Nova constituição
Reforma política
Reforma tributária
Nessa ordem preferencial.
Eu sou partidário que cada estado tenha o seu próprio código penal.
Acho que o Supremo Tribunal Federal deveria julgar apenas inconstitucionalidades.
De resto estamos
FUI... 


sexta-feira, 21 de julho de 2017

O CÓDIGO PENAL E A REFORMA POLÍTICA

Pois,
Faz muito tempo que escrevo que todo regime político é honesto, são os homens desonestos.
Hoje no Brasil fala-se em reforma política, monarquia, parlamentarismo ate´a volta dos militares ao poder.
Nada disso adianta sem que reformemos o código penal, com penas mais duras aos crime e atos de corrupção.
Aqui temos a famosa sinuca de bico.
Os legisladores que aí estão jamais farão um código penal que os incrimine.
Também farão reformas políticas que os engrandeçam e enriqueçam.
Ficamos no quem quando e como, eis a questão? 

Se ficarem tomamos no glúteo, se saírem voltarão em apoteose.
Executivo corrupto, legislativo corrupto e judiciário corrupto, que nos salvará?
Como nos salvarão?
Quando seremos salvos?

NUNCA!

A politica é a arte de todos, todos os dias.
Ela é honesta.
Os homens não o são.
Não adianta nova constituinte com desonestos, nem novo código penal com esses pilantras.
Não adianta Bolsonaro, Dória ou qualquer outro.
Precisamos que rolem cabeças.
Precisamos de revolução da ordem, da ética e da moral.
Precisamos de toque de recolher nas cidade com alto índice de crimes.

Precisamos de gente íntegra e corajosa no poder.
Chega de tornozeleiras queremos guilhotinas.
Boas tardes... 

segunda-feira, 19 de junho de 2017

APOCALIPSE ZUMBI

Pois,
Até parece sacanagem...
O GOOGLE não admite que você troque seu e-mail para acessar suas contas.

Eu tenho esse blogue numa conta do R7.com que recentemente encerrou suas atividades de web mails.

Eu tinha anotado a senha num caderno e havia esquecido.
Por mais que tentasse recuperar, o google enviava o código para o e-mail cancelado.

Outra merda, é o uso obrigatório de celulares, EU NÃO TENHO E NÃO QUERO TER.
Ora, celulares são para trabalho e emergências, não deveria jamais ser diversão, essa é a merda que Steve Jobs criou.

O apocalipse ZUMBI é real em nossa época.
As praças, avenidas, coletivos, até as reuniões de família, nos restaurantes há sempre idiotas nas redes sociais, sem fazer social com quem está ao seu lado.
Os namorados não se abraçam, não se beijam, não se amassam, sentam lado a lado usando os malditos celulares.
Os celulares são um PERIGO aos amantes, pois suas localizações são facilmente registradas pelas operadoras.
Há até bandidos dementes que postam suas falcatruas nas redes sociais.
Os nossos políticos são gravados a qualquer hora com suas corrupções.
Fico enojado com as rusgas que hoje não tem mais bate-boca , é só deletar do face book e ficar todo prosa.

A ganância dos provedores é inadmissível.
Poucos funcionários e um setor de suporte simplesmente inacessível, com F.A.Q. simplesmente ridículos.
Abre aqui, abre ali, fecha acolá e retorna à primeira página.
Isso não é modernidade é atraso mental.
Até no botequim onde discutia-se futebol, política e aguentava-se os comedores, os caras olham o "whatsup" aos frequente gritos do aparelho.

Até nos coletivos você fica sabendo da vida de quem nem conhece.
A polícia bate à sua porta e logo perguntam cadê o celular.
Qualquer operação da lava-jato vem acompanhada da apreensão dos velhos PCs.
Morte aos ZUMBIS, fui...
  

quinta-feira, 18 de maio de 2017

TODOS PROXENETAS DA REPÚBLICA

Pois,
Comecei minhas críticas políticas em 1988, com a promulgação da constituição cidadã, mais aristocrática que a de 25 março de 1824, feita pelo imperador.
Em 2006 recebia severas críticas no falecido ORKUT, por considerar que no Brasil o último partido conservador havia morrido junto com Enéas Carneiro.
O PMDB sempre foi o partido PROXENETA DA NAÇÃO.
Os outros partidos sempre foram as prostitutas contratadas.
O governo de transição foi de Sarney do PMDB.
Governo Collor com base política do PMDB.
Governo Itamar do PMDB.
Governo FHC com apoio de PFL ou DEM e base política do PMDB.
Governo PETRALHA de 2002 a 2016, todo apoiado pelo PMDB.
No contexto originário de 1985, o PMDB, DEM, PSDB E PT ROUBARAM O PAÍS EM TRILHÕES DE REAIS.
Agora com o barco afundando, com reformas que realmente precisam ser feitas, teremos eleições indiretas para presidente.
Nas horas de crise surgem vários proxenetas como candidatos.
Rodrigo Maia ?
Elnício ?
Aécio?
Renan?
Lindenberg ou Gleisi ?

Num parlamento mais sujo, que esgotos cheio de ratos e baratas, quem seriam o prováveis candidatos à presidência?
TODOS OS PROXENETAS DO ERÁRIO, DO ESTADO E DA REPÚBLICA.
Os imbecis politicamente corretos, também são candidatos.
Como colocar na cadeia todo um esquema de prostituição pública instaurado há mais de 30 anos.
A verdade real é que a DITADURA socialista tem mais de 30 anos.
As vítimas são os incontáveis assassinatos das pessoas debem pelo crime organizado, pela falta de saúde e de educação no trânsito, por absoluta falta de leis.
Faz anos que reclamo que não adianta fazer estatutos para direitos constitucionais.
Seríamos felizes se pelo menos esses filhos da prostituição pública cumprissem parte da constituição.
Indubitavelmente o crime organizado faz parte do institucional republicano brasileiro.
Não apresento soluções, pois a minha representaria a prisão de todos e um julgamento no Supremo tribunal Militar por crimes de LESA PÁTRIA E TRAIÇÃO.
Infelizmente aqui é um terreiro de umbanda em que todos recebem orixás.
Nossos políticos vomitam no prato que comem.
Durante anos preocuparam-se com racismo, homofobia, direitos humanos de menores criminosos, assassinos e traficantes.
Cotas, terras indígenas e quilombolas, esquecendo-se que nos batiam a carteira pra rechearem contas em paraísos fiscais.
Já fazem 30 anos que reclamo, agora vi que minhas queridas mazelas se realizaram, as minhas madeixas brancas como símbolos, só me resta ver o que esse povo imbecil fará?
Soquem as passeatas no rabo.
Sempre fomos párias felizes celebrando democracia e liberdade onde elas nunca existiram.
Estamos fodidos.
A história há de reconhecer que eu tinha razão.
Fosse eu político hoje eu não estaria a escrever essas bobagens.
Isso mesmo, sempre fui um bobo reclamando no viés dos pierrôs e colombinas que vivem suas vidas medíocres atrás de sues Iphones.
Clamem por esperança e piedade, subam os degraus da Penha ou caminhem até Aparecida, chamem os militares esculachados pelo tempo, e morram em paz enterrados como indigentes em valas comunitárias.
Somos todos filhos de uma puta.
bom dia...

   
  



domingo, 7 de maio de 2017

OS PORQUÊS...

Pois,
Certa vez, tripulando um voo de não sei onde, para o Rio de janeiro, a idade do crachá, já não me deixa lembrar de qual lugar partimos, mas isso não importa.
Era a época romântica da aviação, os comandantes abriam as portas da cabine de comando para os passageiros conhecerem e tirarem suas fotos.
Voos diurnos eram sempre assim.
Eis que entra um menino, de seus 14 anos, muito educado e inteligente.
Encostou-se ao meu lado e perguntou-me o que fazíamos quando um motor parasse de funcionar?
Sou um apaixonado pelos "boeings.
Nosso voo era num B-707.
Creio que não fizeram aeronave mais bonita, elegante.
Os aviões de hoje meras cópias distorcidas.
Expliquei ao garoto, que perder um motor no 707, era apenas uma emergência fácil, calculávamos um novo nível de voo mais inferior e recalculávamos o combustível para o destino.
Daí o garoto pergunta-me se perdêssemos o segundo.
Expliquei que faríamos o mesmo procedimento anterior, e que escolheríamos um aeroporto alternativo mais próximo para pouso com segurança.
Finalmente ele pergunta se perdêssemos o terceiro motor.
Eu respondi que era melhor rezar e apertar o botão foda-se.
Interessante é que as pessoas se interessam muito mais pelas fortuidades do que pelas belezas da tecnologia.
Por causa disso eu pergunto os porquês.
Não basta ler Sócrates e outros tantos filósofos, se vamos questionar.
Não importa porque Da Vinci desenhou um helicóptero, nem porque Julio verne imaginou um submarino.
Nem os porquês da lei gravitacional, a descoberta da eletricidade e do magnetismo.
Por causa delas evoluímos tecnologicamente.
O que realmente importa é que tudo isso nos leva ao aprendizado, à sabedoria e ao futuro.
O imbecil sempre quer saber porque.
Nunca se interessa pela causa e seus efeitos.
O porquê satisfaz sua ignorância.
Eles jamais questionam qual a causa e o efeito de um governo comunista, fascista, em cima do muro.
Governantes ditos centristas acabam mijando e cagando nos penicos do lado mais fraco.
Sejam de esquerda ou direita não importa, aqui nenhum porquê.
É poder que interessa.
Porque existir DEUS?
Serão as suas necessidades?
Se DEUS fez ou não o universo não importa.
O que realmente importa são os ensinamentos morais e éticos da vida, nunca as tradições.
Somos privilegiados em nosso ínfimo universo dentro da vastidão da natureza.
Somos nós responsáveis pela destruição da natureza criadora.
Hipocritamente eu pergunto porque usamos portas, muros e cercas eletrônicas?
Elas nos protegem dos desonestos, mas não nos protegem dos desastres naturais.
Muitos acham que o PODER está no dinheiro.
Enganam-se.
O poder está nos fieis seguidores, eles são os sustentáculos do PODER.
Porque necessitar de de religião e partidos políticos?
Em ambos os casos é atingir o poder.
São os pobres de espírito que sustentam essa lógica desonesta.
Eu desafio a lógica, e como Diógenes de Sinope sem lamparina, porque não há mais homens com virtude e honestos na política e nas religiões.
É melhor viver cercado por cães, do que por humanos cínicos.
Pouco me importa as palavras ditas pelos eruditos ou escrito antigos.
Importa como pensamos e como falamos e escrevemos, embora tudo que falamos, pensamos ou escrevemos, já teria sido pensado, dito e escrito no passado.
Se há realmente alguma coisa IMPORTANTE no itinerário da evolução humana é a HONESTIDADE.
Embora não pareça, minha homenagem aos 90 anos que teria a VARIG hoje 7 de maio de 2017, se vivêssemos num mundo de homens honestos.

   

terça-feira, 18 de abril de 2017

COMO SERIA?

Pois,
Há diversas perguntas idiotas nesse planeta?
Como seria um mundo sem água?
-Seria sem árvores, sem animais nem humanos.
-Seria um deserto quente e inóspito onde viveriam apenas escorpiões, baratas mais alguns insetos que não precisassem de água ou umidade para suas crias.

Certamente a natureza seria pródiga não houvesse os humanos, pois os animais respeitam a biodiversidade.
O jornalista americano, certamente democrata, David Wolman escreveu um livro chamado, " O Fim do Dinheiro ".
Escreve ele que cartões de créditos e de débitos, mais sistemas como "bit coin" ou "paypal" seriam mais seguros contra assaltos, roubos e fraudes.
De fato a demanda pelo papel moeda caiu vertiginosamente, em compensação as fraudes, estelionatos e roubos aumentaram assustadoramente.
Consequentemente ficaríamos todos a mercê dos bancos e dos impostos governamentais.

Como seria um mundo sem o capital?
Não haveriam trabalhadores, todos venderiam seus serviços pelo sistema de trocas.
Não haveriam investimentos em tecnologia, talvez não existissem carros, aviões e outras geringonças.

Talvez não existisse até internet.
Steve Jobs e Bill Gates talvez não tivessem nem nascido.
Se eu tivesse 10 macieiras e vendesse seus frutos teria 100% da produção.
Se um governo me retirasse a produção e me premiasse com apenas 10% eu arrancaria  9 pés de macieiras.
Não existe trabalho sem capital, nem capital sem trabalho.
Não se pode dividir o trabalho nem o capital com quem não trabalha.
Finalizando estas curtas, como seria o mundo sem os imbecis politicamente corretos e sem a esquerda maldita?
Certamente não haveria o estado islâmico.